Escolha uma Página

Sua personalidade interfere na marca do seu cliente?

Assim como todo artista tem uma personalidade, nós designers, criativos, diretores de arte e/ou criação, possuímos um estilo próprio de reunir ideias e dar vida aos elementos gráficos para cumprirem seu papel de advertir, emocionar, transformar, empoderar e COMUNICAR.

Comunicar com cores, disposição dos elementos, tanto para off quanto on-line: todo este processo exige o estudo do público que irá absorver essa informação, dos valores da marca, do conhecimento do produto, de como estará exposto no PDV, de como será abordado nas mídias digitais e gerar o resultado esperado: o like, o compartilhamento, a compra, a identificação com a marca e até uma vida com ela.  

A criação é tão importante quanto todos os processos envolvidos no Marketing, seja ele digital ou não. Um bom planejamento pode não alcançar o resultado esperado, quando este não possui uma boa criação, que informe o desejado e vice-versa.

Um dos problemas que podem ocorrer é a identificação do estilo criativo com a identidade de comunicação, ou seja, quando o perfil do profissional ou da equipe por trás do planejamento de comunicação influencia de maneira tão contundente a ponto do público ou responsável pela marca notar mudanças na estrutura da equipe, por mais sutis que estas possam ser. Ainda em um cenário mais agravante, o criativo ou a equipe chega a anular a verdadeira identidade da marca e seu público, e cria soluções voltadas a personalidade da equipe ou até mesmo do idealizador da marca, trazendo preferências pessoais e excluindo as necessidades reais do público. Consequentemente, temos uma marca vazia, sem segmentação e com déficit no resultado de aceitação da marca ou produto. Temos que lembrar que não criamos para nós mesmos, e sim para falar com pessoas reais que possuem ideias e necessidades diferentes.

Por isso, é primordial que as equipes envolvidas neste processo estabeleçam o limite entre a sua personalidade e a personalidade da marca,  conhecer seu público e estar atento às mudanças de seu consumo, alinhando suas diretrizes e cientes do que a marca representa e oferece. Além disso, é importante a criação de uma padronização de identidade de comunicação, de conceitos e valores, prevenindo para haja uma comunicação eficaz, independente do profissional e estilo criativo.

 

 

  • Ver +
Olá, sou publicitária com especialização em designer, atuante na área há mais de 10 anos, já atuei como criativa e diretora de arte em agência de publicidade, marketing e design de embalagens em indústria de cosmético e desde 2017 desbravando o mercado a frente da UNI-VERSO DESIGN com projetos em branding, embalagem, publicidade e marketing digital e off. Apaixonada por este mercado e os mistérios da vida.

Comentários

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com